Segurança em Piscinas Comerciais

Hoje continuo minha série de artigos, que tem como tema “Dicas para a saúde do parque aquático”, falando sobre Segurança em Piscinas Comerciais.


Essas dicas, baseadas nas minhas consultorias e palestras pelo Brasil, estão colocadas em formato de perguntas a serem respondidas pelos gerentes de manutenção, gestores e operadores de piscinas, além de todos os envolvidos na atividade aquática de uma organização.


E assim, são direcionadas para piscinas públicas e semi-públicas, como: parques aquáticos, associações (Sesi, Sesc, Aabb), Ceus, clubes, academias, hotéis, condomínios (horizontais e verticais), escolas, etc.


No artigo anterior falei sobre: Operadores de piscinas e conhecimentos recomendados pela ABNT para um tratador de piscinas. Leia mais no link.

Segurança em Piscinas Comerciais

1-AFOGAMENTO


Esse item está relacionado ao salva-vidas, quando ele por lei ou norma é obrigatório, e aos cuidados que esses profissionais devem ter em serviço.

  • É permitido nadar sozinho na piscina quando o salva-vidas não está presente?

  • Os equipamentos de salvamento como bóias e ganchos estão junto da piscina e em bom estado?

  • A(s) piscina(s) possuem cerca em sua volta?

  • Existe treinamento periódico para uma solução rápida e adequada no caso de afogamento?

  • No período em que a piscina está fechada existe, principalmente à noite, algum esquema de segurança?

  • O salão de primeiros socorros está com todos os equipamentos e materiais necessários e em bom estado?

2- TRAUMATISMOS

  • Existem plataformas de saltos e/ou trampolim na piscina?

  • Os decks são de material antiderrapante?

  • São colocados avisos junto ou próximo a piscina onde esclarecem os problemas que ocorrem devido a brincadeiras perigosas?

  • Estão marcadas as profundidades das piscinas de acordo com a lei e normas?

  • As escadas de acesso e saída estão em quantidade, dimensões e posições corretas?

  • Existem escadas ou equipamentos apropriados para idosos e deficientes?

  • As piscinas possuem, no mínimo, duas escadas uma na parte rasa e outra na parte funda?

  • A piscina de salto, se existir, está numa área à parte, ouem conjunto com as piscinas de competição ou de lazer?

  • No caso da largura da piscina ser maior de 10 metros existem escadas nos dois lados?

  • Em determinados horários do dia ou determinados dias, o número de usuários é maior do que permitido pelas leis e normas?

  • Os blocos de partida são fixados no deck de uma maneira a não ser possível sua retirada?

3- OBSERVÂNCIA DAS NORMAS DE SEGURANÇA ELÉTRICA.

  • Todas as partes metálicas na área da piscina estão aterradas, inclusive a ferragem da piscina?

  • Os DRs (disjuntor-residual) são colocados em todas as tomadas e equipamentos elétricos na área das piscinas?

  • Quando a manutenção da piscina envolve energia elétrica, a mesma é interditada?.

  • São os eletricistas habilitados e estão devidamente protegidos no seu trabalho?

  • Em dia de relâmpagos a piscina é interditada para os usuários?

  • Piscinas cobertas possuem iluminação de emergência para a saída segura dos usuários?

  • As piscinas possuem iluminação subaquática? Em caso positivo está devidamente protegida quanto a choque elétrico?

Nilson Maierá

Engenheiro químico, consultor especialista, há mais de três décadas, em projetos, qualidade, manutenção e segurança de piscinas.


Autor do livro “Piscinas Litro a Litro”.


Palestrante sobre diversos assuntos relacionados a piscinas de grande porte, utilizadas por público variado.


Contato

Para palestras ou consultorias com Nilson Maierá envie e-mail para nmaiera@terra.com.br ou contate pelos telefones (011) 98965-6197 / (011) 5081-2768

#parquesaquáticos #academias #hoteis #clubes #piscinas

Posts em Destaque
Posts Recentes
Arquivos
Pesquisar por Tags
Nenhum tag.

         Nilson Maierá          

Tel:  (11) 98965-6197