Perguntas mais frequentes

 

Mande suas dúvidas para o e-mail nmaiera@terra.com.br. Procure dar o maior número de informações de sua piscina. Responderei.

1. Quais são os tipos de piscina que existem?

Existem basicamente três tipos de piscinas: de concreto (também chamada piscina de azulejo), de vinil e de fibra de vidro. Na piscina de concreto existe uma variação denominada "piscina de alvenaria estrutural" e nas de vinil existem as do tipo bolsa e as de vinil estrutural (ou manta armada de vinil).

 

2. Como escolher o tipo de piscina mais adequado? Quais fatores levar em consideração?

Cabe ao leitor, com base nos fatores abaixo - e alguns outros - fazer sua escolha: Preço, Durabilidade, Tempo para instalação, Possibilidade de se obterem formas e dimensões de acordo com as necessidades do comprador, Custo do transporte da piscina ou de materiais, Estética, Variedade de acabamento, Custo da troca ou da reforma do acabamento, Resistência ao risco contra material duro ou resistência ao furo por peças pontiagudas, Facilidade de limpeza, Resistência a produtos químicos, Resistência aos raios solares, principalmente os raios ultravioletas, Probabilidade de vazamento e dificuldade de detecção do mesmo e Possibilidade de mudança do local da piscina.

 

3. Existem tamanhos mínimos e máximos para a construção de uma piscina?

Não, nem para máximo como mínimo. No Chile na região de San Alfondo Del Mar existe a maior piscina do mundo, com água salgada que têm 1.000 metros de comprimento, área de 80.000 m² e 250.000 m³. De outro lado piscina com 1,5 metros de diâmetro é considerada piscina, mas na realidade deveriam melhor serem chamadas de banheiras.

 

4. É preciso contratar um arquiteto ou engenheiro para a construção da piscina?

Não digo que é preciso, mas altamente recomendável. Para piscinas públicas é necessário ambos profissionais. Piscinas de concreto um engenheiro de solos e estrutural se faz necessário, da mesma maneira que piscinas em solos fracos ou com lençol freático. Piscinas mais sofisticadas, como por exemplo as piscinas muito em moda atualmente denominadas de borda infinita e com paisagismo de boa qualidade a presença do arquiteto se faz necessária.

Espera-se que o acréscimo inicial no custo, seja uma garantia de piscina livre de problemas.

 

5. Qual o passo-a-passo na construção da piscina?

Na sequência do projeto e construção de uma piscina, muitas etapas são opcionais e não estão muitas vezes numa ordem que vai acontecer na prática. Algumas etapas são feitas ao mesmo tempo. O passo a passo pode ser assim resumido:

Escolha do tipo de piscina

Determinação das dimensões e formato da piscina

Contratação dos profissionais envolvidos no projeto e execução

Posicionamento das piscinas em relação à residênciaLicenças e impostos junto aos órgãos competentes

Estudo do tipo de solo

Orçamento, contratos e garantias

Escolha de quem vai construir a piscina

Demarcar a posição da piscina no terreno, levando-se em conta as folgas em relação às paredes da piscina

Verificar se a passagem de dutos, como águas pluviais, esgoto, tubulação de gás entre outros, não interfere na escavação - e caso necessário estudo de suas remoções

Verificar se no terreno têm lençol freático acima do piso da piscina na estação do ano mais desfavorável

EscavaçãoFundações

Piso e paredesImpermeabilização

Teste de vazamentoAcabamento, se necessário

Hidráulica e elétrica

Tratamento inicial da água da piscina

 

6. Por que é necessária a criação de uma área de lazer nas laterais das piscinas? Qual o tamanho mínimo que deve ter?

Ao longo dos anos houve uma mudança muito grande no uso de uma piscina. Pelos idos de 1940 a 1950 as piscinas eram de grande porte, olímpicas ou semi-olímpicas de concreto e azulejadas e tinham finalidade exclusiva para competições ou para aperfeiçoamento físico. Com o passar dos anos as piscinas passaram a ter outras finalidades como entretenimento e aprendizado, principalmente para crianças e a área de lazer passou a ser uma parte muito importante. Mesmo nos grandes clubes atualmente 20% dos banhistas estão no interior da piscina e 80% fora. Mas a área de lazer não é absolutamente necessária. O tamanho mínimo varia de piscina para piscina e muitas vezes depende do espaço disponível no terreno. Para piscinas públicas e coletivas a lei no Estado de São Paulo determina o mínimo de 1,5m metros, em toda a volta da piscina.

 

7. No sistema construtivo da piscina, qual a diferença entre concreto armado e alvenaria estrutural? Qual o melhor deles?

Na piscina de concreto armado o piso e as paredes da piscina são executados em concreto armado e nas piscinas de alvenaria estrutural o piso é de concreto armado e as paredes são compostas de pilares e vigas de concreto sendo os seus vãos preenchidos com tijolos ou blocos. A melhor é a de concreto armado, mas as piscinas com comprimento abaixo de 15 metros a de alvenaria armada se equipara em qualidade a uma de concreto, porém com menor custo.

 

8. Na parte interna, qual a diferença entre vinil, manta armada de PVC e fibra de vidro? Existem outros tipos de revestimento?

Primeiramente vamos falar da diferença entre vinil e manta armada. Ambos acabamentos são de vinil. No vinil tradicional é um vinil bem flexível onde uma bolsa de vinil é manufaturada em fábrica após medidas rigorosas na estrutura da piscina e ela veste a piscina e se molda a sua forma e dimensão pela ajuda de aspiradores. A espessura do vinil neste caso varia no intervalo de 0,6 a 0,8 mm. Já a manta armada é fabricada em rolos em diversas larguras, na espessura de 1,5mm (alguns fabricantes o fazem em 1,0 mm) e essa manta é colocado diretamente na piscina, sendo suas juntas soldadas por calor, por solventes ou por ambos. Piscinas de concreto com vazamento são rapidamente reparadas com este tipo de manta. Nesta manta armada uma trama de poliéster é colocada no meio de duas lâminas de vinil o que ocasiona uma grande resistência mecânica e maior resistência a temperatura. Nos dois tipos de piscinas de vinil a impermeabilização e acabamento são feitos concomitantemente.

As piscinas de fibra, são diferentes das de vinil, além do material ser diferente, apresentam-se em espessuras superiores o que lhe dão resistência mecânica e assim são as únicas piscinas que ao mesmo tempo possuem as três características principais de uma piscina, ou seja, estrutura, impermeabilização e acabamento.

Além do acabamento em vinil e fibra, temos os acabamentos em azulejos, pastilhas, mármore, granito, etc. que são acabamentos não impermeabilizantes e portanto necessitam de impermeabilização e os acabamentos impermeabilizantes, como tintas a base de epóxi, poliuretano e borracha clorada e os acabamentos denominados de “plaster” utilizados praticamente só nos Estados Unidos que consiste numa argamassa a base de cimento branco e pó de mármore, porém atualmente numa série muito grande de modificações.

 

9. É possível colocar qualquer tipo de planta ao redor da piscina ou há restrições no Paisagismo?

É possível qualquer tipo de planta quanto ao paisagismo. Hoje em dia muitos paisagistas não tem se importado com a manutenção da piscina e às vezes sua estrutura. Arvores ou plantas que soltam muitas folhas vão prejudicar a manutenção da piscina e árvores com raízes que crescem lateralmente se próximas das piscinas podem danificar a estrutura da piscina. Um exemplo de arvore que não deve ser colocada perto da piscina são as seringueiras.

 

10. Acessórios (Decoração, Hidromassagem, Raia para natação e Aquecedor) podem ser instaladas em qualquer modelo?

Antigamente todos acessórios podiam ser colocados somente em piscinas de concreto e somente alguns em piscinas de vinil e de fibra. Graças ao desenvolvimento industrial, nas piscinas de vinil e fibra todos acessórios podem ser colocados da mesma maneira que as de concreto.

 

11. É preciso impermeabilizar todos os tipos de piscina?

Na realidade todas as piscinas devem ser impermeabilizadas. As piscinas de vinil, fibra, pintadas e do tipo “plaster”já são ao mesmo tempo acabamento e impermeabilização.Somente as piscinas com acabamentos não impermeabilizantes devem ser impermeabilizadas como as de azulejo, pastilhas, mármore e granito.

 

12. Como deve ser feito o tratamento da água? Ele varia de acordo com o tipo de piscina?

Diria que o tratamento é praticamente igual para todos os tipos de piscinas de acordo com sua construção. As diferenças maiores de tratamento são para piscinas públicas versus residenciais, cobertas e não cobertas, aquecidas e não aquecidas.

 

13. Como evitar sujidade na água e algas?

As piscinas não cobertas nas quais se incluem a maioria das piscinas residenciais deve-se evitar a sujeira do meio ambiente, que são folhas, pó, pólen, pó proveniente de queimadas, insetos, sapos escrementos de aves, etc, O uso de uma capa, bem como sua retirada cuidadosa diminuem a sujeira numa piscina, a não colocação de plantas que soltam facilmente folhas também ajudam e quando cortar grama cuidado com suas aparas. A não existência de ventos também diminui a presença de sujeira.As piscinas cobertas e não cobertas estão sujeitas as sujeiras trazidas pelos banhistas, que são os maiores responsáveis pela grande parte da sujeira introduzida nas piscinas e um banho antes de se entrar na piscina vai ajudar muito assim como a eliminação de óleos e cosméticos. O uso de touca tanto para as mulheres como os homens também colaboram em diminuir a sujeira na piscina.

 

14. Como fazer desinfecção da água?

São considerados desinfetantes para a piscina, o cloro nas suas mais diferentes formas. O cloro nada mais é do que o ácido hipocloroso. O sal que muitos erroneamente pensam que é desinfetante na realidade produz cloro a partir do sal. Outros desinfetantes são o bromo, não utilizado no Brasil, o ozônio, os raios ultravioleta, íons de cobre e prata (ionização) e a biguanida polimérica em conjunto com oxidante. O tratamento deve ser sempre acompanhado de medições da concentração do desinfetante para depois introduzi-lo quer manualmente, quer automaticamente na piscina.

 

15. Quais doenças a água não tratada pode causar?

Estáticas indicam que 50% de doenças em piscinas e seus anexos são dermatológicas, 30% oftalmológicas ou otorrinolaringológicas e 20% gastrointestinais. Os tipos de doenças mais comuns são dermatofitose (provenientes de fungo, ptiriase versicloror(fungo), molusco contagioso (vírus), candidíase ( levedura e se encontra principalmente nos vestiários) Outras possíveis doenças são verrugas(vírus), hepatite A(Virus), gardíase (protozoário), criptosporidíase ( protozoário denominado Criptosporidium parvum com grande resistência ao cloro), conjuntivites (vírus ou bactéria), otites (bactérias), rinites e sinusites (vírus ou bactérias).

 

16. Quais os cuidados que é preciso ter com crianças?

Esta é uma pergunta que levaria muito tempo para responder. Vou me concentrar em apenas no tocante a afogamentos ou quase afogamentos em piscinas. Nos Estados Unidos que possuem boas estatísticas, 300 crianças, na faixa de idade de 1 a 5 anos morrem por ano em piscinas, e 1.800 apresentam quase afogamentos. 95% desses acidentes acontecem em piscinas da própria casa, ou de parentes ou de amigos. Só uma supervisão constante elimina 100% dos afogamentos ou quase afogamentos. Paliativos, são o uso de capas de segurança, cercas em volta da piscina e alarmes nos seus diferentes tipos.

 

17. E os cuidados com animais domésticos?

São os mesmos, porém com uma única diferença para os cachorros. Como eles sabem nadar, mas não conseguem sair da piscina eles morrem devido ao cansaço. Piscinas mais modernas com escadas normais possibilitam sua saída. Outra solução é adaptação de rampas por onde os cachorros podem sair da piscina. O Sr. José Teixeira que já foi técnico do Esporte Clube Corinthians está comercializando esta rampa depois que perdeu um cachorro de estimação na sua piscina.

 

18. Dimensionamento de bomba térmica

Quería comentarte que prácticamente ya leí todo el libro, como te mencione antes me parece excelente, lo felicito nuevamente. Usted me había dicho que cualquier consulta no dude en hacerlo, pues aprovecho para hacerle varias consultas. Con respecto a la bomba de calor, lo que no vi es una forma de dimensionamiento de las bombas. Por mi experiencia los vendedores e inclusive los fabricantes pasan recomendaciones que no siempre son correctas, a mi criterio el problema radica en que se basen en parámetros promedios o promedios de temperatura. Yo le adjunto a este mail un archivo de la empresa Transsen que es para dimensionar estos equipos, me gustaría escuchar su opinión al respecto. El problema con este dimensionamiento es que no tiene resultados por mes o por temporada. Me gustaría saber si usted cuenta con un sistema más exacto para dimensionar y darle al cliente un dato más exacto. Ariel. Assunção 17/7/11

Mesmo as empresas americanas de bombas térmicas que fazem dimensionamentos por computador usam valores médios, geralmente para um mês. Fica difícil e as vezes desnecessário fazer médias diárias, uma vez que dada a grande inércia da água da piscina as variações são pequenas. A empresa americana “Heat Siphon “(www.HEATSIPHON.com), faz dimensionamento por computador e usa valores médios mensais. São dimensionamentos feitos gratuitamente, mas acho que apenas para os Estados Unidos. Pela localização da piscina (cidade), a empresa se utiliza dos seguintes dados:% de céu claro, temperatura média no mês, ganho solar em Langley/dia, umidade relativa média, dias do mês ( 28, 30,31), Além desses dados são necessários: área da piscina, volume da piscina, temperatura desejada na piscina, velocidade do vento nas piscinas abertas, sombra na piscina durante o dia nas piscinas abertas. E ainda fazem cálculos econômicos comparativos com outros tipos de aquecedores levando em conta os custos do kWh, do gás natural e do GLP. Outras empresas americanas que talvez façam dimensionamento por computador são: Hayward pool products,NJ, Pentair pool products, NC, AquaCalAutopilot, Inc, Fl. Na minha opinião são importantes no dimensionamento os seguintes dados: Área da piscina, volume da piscina (somente no início do aquecimento)(*), temperatura desejada na água. Lembrar que a cada 1ºC a mais na água da piscina as perdas são da ordem de 10% e o rendimento da bomba térmica cai em 1,8%. Para a temperatura ambiente, para cada 1ºC a mais na temperatura ambiente a potência calorífica aumente em 3% e o COP (rendimento energético) em 1,6%. Com o uso da capa térmica consegue-se redução da ordem de 50 a 60 % nas perdas de calor, velocidade do vento em piscinas abertas e seu grau de proteção, umidade relativa do ar que a cada 1% a mais propicia 0,15 % a mais no rendimento da bomba térmica, número de horas que a piscina fica aberta para o público durante o dia, semana e ano, grau de atividade realizada na piscina, ou em outras palavras, piscinas com pouca ou muitas pessoas, piscinas cobertas ou descobertas(**), horas por dia que a filtração é realizada(***). O dimensionamento deve ser feito para o mês mais frio em que vai ser usada a piscina. Assim, se a piscina estiver no hemisfério sul e não vai ser usada nos meses de Junho e Julho, pode se usar uma bomba de menor potência

(*)As bombas térmicas têm seu uso muito vantajoso quando a piscina é usada com aquecimento constante, como é o caso de clubes, academias etc. Praticamente têm que repor apenas as perdas térmicas diárias. Neste caso o problema seria apenas no aquecimento inicial o que é um problema quando esse aquecimento se dá no inverno. Mas para piscinas de aquecimento intermitente, como é o caso de piscinas de casa de campo com aquecimento em final de semana ela não é aconselhável e neste caso o volume desempenha um papel preponderante.

(**)Piscinas cobertas não possuem o problema negativo do vento e quando trabalham com alta umidade relativa proporcionam um rendimento maior para a bomba térmica, porém com desvantagem para o conforto humano (alta umidade) e para corrosão das instalações (alta umidade de vapores clorados)

(***)Normalmente a bomba térmica é acionada pela mesma bomba do filtro. Sendo essas bombas de filtração acionadas por programadores de tempo, o funcionamento da bomba térmica está condicionado a da bomba de filtração. Alguns fabricantes americanos possuem um dispositivo, que quando necessário by-passam o programador de tempo e desta maneira a bomba térmica permanece ligada. É vantajoso que qualquer sistema de aquecimento deve ter sua própria bomba, de tal maneira que seu funcionamento independe do funcionamento da bomba do filtro.

Em piscinas que funcionam ao longo do ano e onde seu controle de temperatura é fundamental, deve-se usar outro tipo de aquecedor de custo inicial baixo que agiria como back up principalmente nos meses de inverno, mesmo com custo operacional mais alto. Voltando ao dimensionamento, eu uso os dados disponíveis mais importantes e em caso de dúvida aumento a potência da bomba térmica para a potência imediatamente acima, e não tenho programa de computador. Todas as empresa que vendem bombas térmicas devem fornecer a potência calorífica fornecida a água da piscina (em Btu.h ou kcal/h) nas seguintes condições:

temperatura ambiente de 27ºC, temperatura da água de 26,7ºC (80ºF), umidade relativa do ar 63%.

As bombas térmicas que usam compressores scroll levam a vantagem em relação aos compressores recíprocos porque em baixas temperaturas apresentam rendimentos e potências caloríficas superiores exatamente no tempo de inverno onde as perdas caloríficas da água da piscina são maiores.Olhando os dados da Transsen me parece que eles estão superdimensionando, o que é uma maneira segura.

 

19. Capas térmicas líquidas

Hace ya unos 3 años vi una página de internet de una empresa que fabricaba un producto liquido transparente que se echaba en la piscina, esta cuando el agua estaba quieta creaba una película (invisible a la vista) que no permitía que el agua se evapore, luego al utilizar la piscina, se mezclaba con el agua. Usted tiene conocimiento de este producto? Ariel-Assunção 17/07/2011

É chamada de capa líquida, existe e no Brasil alguns clubes estão usando. A empresa produtora é canadense, de nome Flexible solutions (entre no site) e no Brasil uma das empresas que comercializam é a empresa Aguanativa, de Curitiba, tel: 41 3675-0087 e-mail:douglasaguanatica@hotmail.com. Essas capas possuem uma eficiência menor do que as tradicionais, porém quando não têm banhista na piscina ela imediatamente se forma, não sendo necessário colocar ou tirar a capa o que acontece com a capa tradicional. A capa líquida têm vida limitada e todo o dia deve ser reposta manualmente ou por bomba dosadora. O custo do produto mais do que se paga com a economia de mão de obra e de espaço nas piscinas de porte.

 

20. Bomba de calor de diferentes marcas

Con respecto a su respuesta de las BT, también Transsen da una tabla de Kcal\hComo hago la conversión de estos valores para calcular en cuanto tiempo va a levantar temperatura? O para dimensionar? En pocas palabras, hay equipos de distintas marcas con la misma cantidad de BTU, pero con valores de Kcal\h distintos, como hago entonces para calcular? Por ejemplo, si tengo una piscina de 6 x 5, de 45 m3, como se cuantos grados va a subir por día con determinada temperatura ambiental (con uso de capa térmica). Ariel Assunção 16/08/2011

Existem BT de diferentes procedências e dependem do tipo de compressor, da área do evaporador e do tamanho do condensador, Mas, além disso os fabricantes dão seus valores em diferentes temperaturas do ar ambiente, temperatura da água da piscina e umidade relativa do ar. Usando esses valores diferentes você terá resultados diferentes até para a mesma BT. Favor ler o livro. Quanto ao dimensionamento da BT, é muito difícil porque depende de uma série de variáveis (ler o Livro). Quando em regime a BT tem que ter energia calorífica suficiente para repor as perdas que naturalmente são variáveis e portanto deve ser dimensionada para os casos mais críticos. Porém para a partida a BT terá dificuldade de chegar na temperatura ideal e ao mesmo tempo repor as perdas. Neste caso deve se usar uma BT de maior potência ou usar um sistema auxiliar.

 

21. Temperatura do ar ambiente que a bomba de calor de calor não funciona

Le hago un par de consultas mas hice varias consultas a la empresa Transsen sobre su bomba de calor y me respondieron que por debajo de 10 grados sigue funcionando el ventilador pero apaga el compresor, yo se que ellos tercerizan la fabricación con la empresa Jelly Fish, no se por que lo hacen a 10 grados, yo pense por todo lo que hablamos que por lo menos hasta los 7 grados iba a seguir calentando, que opinas al respecto? Ariel Assunção 10/08/2011

Dez graus me parece um valor alto, estou acostumado com 7 graus. Se bem que o rendimento da bomba térmica cai muito. Na pag.62.2 do livro “Piscinas litro a litro”na tabela 62.1 você poderá encontrar a potência térmica da BT em função da temperatura ambiente, ou seja: 26,6ºC (80ºF) 28.750 Kcal/h 100%10,0 ºC (50ºF) 16.250 Kcal/h 56,5%7,0 ºC (estimado) 15.550 Kcal/h 54,0%

Nada a fazer se o fabricante assim especifica. Pode-se mudar de fabricante, mas não recomendo.

 

22. A importância do volume da piscina no dimensionamento de um aquecedor

A un cliente le instale el año pasado una bomba de calor de 65.000 BTU de marca Transen y este invierno no pudo calentar en forma cuando las temperaturas eran bajas 10 grados o menos. La piscina es de 10 x 4 y tiene 40.000 litros (no es profunda) finalmente la semana pasada la instale otro equipo de igual de 65.000 BTU, ahora tiene dos equipos, y estos 2 últimos días estaba muy frio el clima y casi no calentaba nada. Esta techada la piscina, con estructura de vidrio y todavía no tiene cobertor térmico, hoy le estamos colocando. Mi consulta es, si la temperatura ambiente es de 10 grados, o es de 7 grados, la bomba de calor va a calentar la piscina en 32 grados? Como puedo saberlo? Gracias nuevamente por todo Le mando un abrazo Ariel Assunção 02/08/2011.

O volume da piscina só é importante no aquecimento inicial ou quando o aquecimento é intermitente e não de maneira continuada. Entendo que a piscina é coberta, assim não têm vento. Essas duas BT deveriam serem mais do que suficientes para aquecer mesmo com temperatura de 7C°. Provavelmente essa BT são equipadas com compressores do tipo recíproco, que é desvantajoso em baixas temperaturas em relação aos compressores do tipo scroll. A pergunta é: Essas bombas térmicas desligam com 7 graus ou funcionam apesar do baixo rendimento. Elas estão no mesmo circuito das bombas de filtração e essas bombas estão funcionando 24 horas por dia? Sem dúvida alguma a capa vai ajudar muito. Aguardo ansiosamente seu convite para conhecer o Paraguay.

 

23. O uso de trocador de calor para aquecedores a gás

Utilização de trocador de calor no processo de aquecimento a gás para evitar contato da água com o equipamento de aquecimento. Equipamentos disponíveis no mercado. Sandra e Ronaldo, Rio de Janeiro, Wegner, 18/07/2.001

Os aquecedores de procedência nacional não são apropriados para piscinas, mas sim para aquecimento de água doméstica. São de baixa potência, e portanto suas tubulações da serpentina são de pequeno diâmetro e de cobre. Portanto usa-se trocador de calor, no qual a água da piscina não entra em contato da água do aquecedor a gás evitando se assim que a água clorada e muitas vezes de baixo pH entre em contato com a serpentina do aquecedor a gás. A vazão da água do trocador pelo aquecedor também não precisa ser de vazão alta e assim o pequeno diâmetro não é problema. Mas além do trocador de calor é necessário uma bomba auxiliar de circulação entre o trocador de calor e o aquecedor, o que ocasionam uma perda de eficiência tanto no trocador de calor como na bomba. Nos aquecedores a gás americanos a água passa direto pela serpentina do aquecedor assim como o calor dos queimadores vão direto para a serpentina do aquecedor uma vez que os diâmetros das serpentinas são grandes e a maioria de cuproniquel um matéria bem mais resistentes quimicamente que o cobre.

Nota: não confundir este trocador de calor com o termo trocador de calor que significa bomba de calor ou bomba térmica.

 

24. Comparação entre aquecedores

Atual situação comparativa entre processos de aquecimento: gás x bomba de calor/térmica x aquecimento solar. Sandra e Ronaldo Wegner, Rio de Janeiro, 18/07/2.011

O solar têm o custo operacional mais baixo dos três, porém seu rendimento e seu funcionamento dependem muito das condições do tempo. O aquecedor a gás têm maior custo operacional e menor dependência do tempo e a bomba térmica em ambos requisitos situa-se no meio. Em piscinas onde a temperatura da água da piscina é muito importante, como é o caso de academias e clubes o solar deve ter como auxiliar uma outra fonte de aquecimento Uma solução muito econômica é o uso de solar como aquecimento prioritário e quando este não produz a quantidade de calor necessário entra o sistema de aquecimento auxiliar.

 

25. Correção de pH e Alcalinidade

Estou enfrentando um problema de pH acima de 8,2 em minha piscina, gostaria de esclarecimento e ajuda, a saber: Recentemente minha piscina estava escorregadia, o que denotava presença de algas. Partir para a limpeza física com escovação do fundo e das paredes. A posteriori limpeza química usando algicida e cloro em dias distintos. Entretanto, achei que a cor da água não estava límpida, clara como deveria. Utilizando o kit de teste o resultado apontava pH baixo (-) 6,8. Dai seguindo recomendações diversas, apliquei 1,5 kg de carbonato de sódio para elevar o PH, o que aconteceu, porém chegou a nível superior a 8,2 ( muito alto conforme kit). Ai começa o meu suplicio, pois a alcalinidade que estava correta, também foi pro espaço, corrigi com 5,6 kg de produto chamado PH certo da Genco, o que fora resolvido, trazendo a coloração no kit entre 80 e 120 ppm. Contudo, o PH insiste em não baixar, mantendo-se muito alto. Seguindo orientações diversas, loja, tratador, internet. apliquei pH menos na quantidade sugerida para acertar e mesmo assim o PH continua na faixa 8,2. Tentei por diversas vezes (acredito que gastei 5 litros) de pH-, redutor de pH, e nada o pH continua alto. Adicionei cloro a noite e no dia seguinte conferi e nada também, pois o pH continua alto e também não havia cloro na água. Por favor, o que fazer, li inclusive todas as suas recomendações, que por sinal foi o que mais completo encontrei de informação, porém tudo que diz lá acredito que já tentei. Minha piscina é aquecida e coberta com 38 mil litros. de vinil, piscina nova 4 meses. Uso cloro e algicida, no inverno adiciono produto 1 vez por semana e coloco para filtrar, faço a aspiração no fundo e uso capa térmica, e a retrolavagem entre 7 e 15 dias, as vezes uso clarificante. Mauro , Belo Horizonte. 07/08/2.011

As recomendações diversas foram erradas. Se bem que corrigir o pH depende sempre da alcalinidade total, nos meus cálculos deveria ser jogado em torno de 650g e jogaria primeiramente 400g e depois o restante. O pH e a alcalinidade devem ser sempre corrigidos em duas etapas. Colocar o produto na piscina é fácil, retirar é difícil. pH baixo não deixa a água turva. Normalmente chama-se cloro granulado o hipoclorito de cálcio que eleva o pH. Mas suponho que você está usando o dicloro que é também granulado. Este cloro praticamente não altera o pH. Estranho você ter corrigido o pH e a alcalinidade baixou muito, quando deveria aumentar. A correção do pH para cima é feito com carbonato de sódio (barrilha) e esse produto aumente ligeiramente a alcalinidade. A correção da alcalinidade é feita com bicarbonato de sódio (que é diferente do carbonato de sódio) e este produto aumente ligeiramente o pH. Se você corrigiu a alcalinidade com a barrilha você errou muito, deveria ter corrigido com bicarbonato de sódio (as vezes chamado de pH certo). Tua medição de pH deve estar acima de 8.2 e você não consegue medir porque o aparelho não indica acima de 8.2. Agora vamos aos finalmente: Você vai usando o pH menos de acordo com as instruções, porém vai jogando o produto não na quantidade calculada, mas em várias etapas e no dia seguinte vai medindo o pH e assim sucessivamente até chegar no pH= 7,4. Outra solução é usar pastilhas de tricloro que é ácida e assim também vai baixando o pH, e se sua piscina for descoberta o tricloro têm na sua fórmula o ácido cianúrico e assim o seu consumo de cloro vai cair em dias de sol. Preciso de mais informações, como que tipo de cloro você está usando, e quando você fala que sua alcalinidade foi para o espaço, significa que foi para cima ou para baixo. Por acaso você já comprou o livro? Compre no site: www.piscinaslitroalitro.com.br Nilson Maiera

 

Estou usando o dicloro de marca Genco. Alcalinidade quando foi para o espaço eu quis dizer (desculpe a falta de clareza) que caiu muito e usei o carbonato foi para subir a alcalinidade. O livro, somente tomei conhecimento hoje através do site. O cloro usado é o dicloro, para corrigir a alcalinidade foi usado pH certo (bicarbonato de sódio) e a piscina é descoberta. Mauro Belo Horizonte

Você já resolveu o seu pH alto

 

Olá Nilson, Fiz todos os procedimentos que me fora ensinado. Quando da aplicação dos produtos para abaixar o pH são aplicados o pH está reduz, porém o pH volta a ficar alto, de acordo com a tabela de cores do Kit que uso fica lilás o que evidencia pH alto. Estou mantendo o cloro em pastilha, o que tem mantido o nível desejado de cloro na piscina. A cor da água está clara. Tenho filtrado semanalmente. Pela analise da fita, dureza cálcica e alcalinidade parecem estar ok. Abraço Mauro Belo Horizonte 29/08/11

Usando o cloro em pastilha que é o tricloro o seu pH deveria baixar e não aumentar. Quanto está o seu pH? Mande os valores de pH, alcalinidade total, dureza cálcica, temperatura. Nilson Maierá

 

26. Uso de produtos de multipla-ação

Nilson, boa tarde! Necessito muito que me tirasse algumas duvidas. Apos a operação de filtração no filtro de areia da minha piscina de 75.000 litros, coloco o produto tratamento semanal da Genco que tem as seguintes funções: oxidante, clarificante, auxiliar de filtração, desinfetante, algistático. Seguindo orientação do seu livro no capítulo 8(Filtração), deixo a bomba ligada 8 horas para recirculação de acordo com a profundidade do tanque. Alguns piscineiros no qual conversei, depois de aspirar a piscina colocam apenas um algicida de manutenção. Minhas duvidas: Esse meu procedimento esta correto? De acordo com sua experiência, você indicaria outro produto químico menos oneroso e mais eficaz para manter a qualidade da água, apos o processo de limpeza do tanque/aspiração da sujeira?

Obs: queria agradecer desde já pela cortesia quanto as respostas das minhas duvidas..E também que seu livro tem me ajudado muito na prática. Sem mais, Marcos David, Paulínia/SP, 25/06/2011

O produto com 5 funções é bom para uma pessoa que não é cuidadosa. Este não é seu caso. Quanto a filtração pergunto qual a potência da sua bomba. Considere para cada CV de potência uma vazão aproximada de 10m³/h. Com esse dado posso lhe dizer quantas horas a bomba deve funcionar. Além disso quem vai dizer quantas horas é sua experiência. Normalmente quando a piscina é usada deve-se aumentar as horas e quando não, diminuir. Para o tratamento químico, você vai usar somente cloro. Se sua piscina é ao ar livre, ela deverá ter ácido cianúrico entre 30 e 50 ppm. Esse ácido ajuda a diminuir o consumo de cloro em dias de sol. Para medir existem duas possibilidades: Kit da Genco, é caro e difícil de encontrar e a fita PACE da HTH, mais barato e mede também cloro livre, pH e alcalinidade total. Você poderá comprar separadamente o ácido cianúrico da Genco (stabiclor), ou usar dicloro ou tricloro que já contém esse ácido. Quando a concentração do ácido chegar entre 30 e 50 ppm, parar de usar o di e tri cloro. Inicialmente vou pedir para não usar o algicida, e manter o cloro livre, entre 1 e 3ppm. Nessa concentração é provável que não haverá problema. Não esquecer de esfregar as paredes e o fundo da piscina. Se a água ficar verde, aí sim vamos usar o algicida de choque, depois de eliminar as algas. Procure jogar o cloro a noite. Nilson Maierá

 

27. Água verde

Qual o melhor para decantar sulfato ou clarificante em caso de piscina verde. Se ph estiver altíssimo posso ao invés de utilizar redutor no caso de piscina verde utilizar dosagem forte de cloro e sulfato de alumínio ao invés de clarificante e algicida de choque para eliminar e decantar a sujeira será mais eficiente o resultado final ou esta incorreto aguardo resposta obrigado. o oxigênio colocado na piscina apos cloro e clarificante potencializa o efeito e melhora resultados. Fabrício Michel Ribeiro, cidade 07/09/2011

Existem duas possibilidades para sua água estar verde; Algas verdes (àgua verde tipo garapa) ou verde transparente que é devido a metais. Pela sua escrita tudo indica que é alga verde. Se o seu pH está altíssimo o uso de cloro líquido na supercloração vai aumentar mais o seu pH e no caso de cloro granulado vai também aumentar não muito, mas vai aumentar. E se seu pH está altíssimo o cloro não vai ter nenhuma eficiência e essa é a provável razão de algas. Primeiro corrija o pH para em torno de 7,2 ( o ideal é entre 7.2 e 7,8). Corrija sua alcalinidade total no intervalo de 80 a 100 ppm. Faça um supercloração com cloro líquido ou granulado, Corrija para 7,2 o pH novamente. Esfregue as paredes e o piso constantemente e o filtro sempre ligado. Se não melhorar use um algicida de choque e em seguida faça uma decantação com clarificante. Se necessário retrolave o filtro e/ou aspire a piscina drenando. Caso não melhore repita a operação de supercloração, acerte de pH , e use algicida e decantação. Na compra do livro você tem como proceder nesses casos. 

 

28. Tratamento de reservatório de água

Yo estoy haciendo mantenimiento de una reservorio de agua de 1.000 m3, en realidad son dos de 500 m3 cada. Estas dos piscinas (una pegadas, divididas solo para una pared de hormigón) en realidad no es piscina para bañistas, es un reservorio de agua de una empresa muy grande que la tienen como reservorio de agua en caso de existir un incendio. Nosotros les hacemos el mantenimiento utilizando como principal equipo un ionizador y cada tanto le colocamos cloro o clarificante. No tiene filtro para ese volumen, solo colocamos un filtro pequeño Jacuzzi CP30 para hacer aspirado y algo de filtración.l resultado del agua con el sistema que estamos utilizando es bastante satisfactorio. Mi consulta es, que otro producto uno podría utilizar para su mantenimiento tomando en cuenta que no existe presencio de bañistas? Me dijeron que agregando sal (sin el equipo salinizador o clorador), solo con sal, el agua se mantiene de mejor manera, esto es cierto? Ariel Assunção 17/07/2.011

Você não fala se as piscinas são cobertas ou descobertas. Parece que o seu tratamento é mais do que satisfatório uma vez que é usado com água de combate ao incêndio. O que poderia ser feito a aspiração por robô com grande economia de mão de obra e qualidade de limpeza. Neste caso poderia ser usado um robô de pequena dimensão. Mesmo não sendo usado por pessoas não existe tratamento melhor que você esta fazendo. O uso do sal é desnecessário uma vez que o sal não é desinfetante. A água do mar têm aproximadamente 32 g/l de sal, ou seja 32.000 ppm de sal e mesmo assim os mares podem estar contaminados.Nilson Maierá

 

29. Oxidação com água oxigenada

También estamos haciendo mantenimiento en un club local, donde en una de sus piscinas es pequeña, unos 25 m3 y está dentro de un SPA, es climatizada y ingresa mucha gente con lociones y aceites. Que producto recomienda para su mantenimiento a parte de cloro? Sería bueno utilizar algún oxidante adicional? (peróxido de hidrogeno o otro).Ariel ,Assunção ,17/07/2.011

Nos Estados Unidos como substituto do cloro usam bromo, porque as bromaminas não possuem odor e não irritam a vista e as mucosas e trabalham bem em pH maiores. Algumas piscinas e spas usam uma combinação de brometo de sódio e pequena porcentagem de ozônio para transformar o brometo em bromo (ácido hipobromoso). Mas estes produtos não se encontram no Brasil e creio que também não no Paraguai. A HTH no Brasil vende um redutor de oleosidade que nada mais é do que enzimas, que elimina ou atenua a oleosidade da água. Nilson Maierá

 

30. pH e Alcalinidade

Agora já resolvemos o problema do vazamento e as manchas até reduziram sua coloração com o uso de ácido, mas não sumiram. Muito obrigada pela dica. Tenho feito as medidas da água da piscina e noto que o pH tem se mantido acima de 8,2, só que a alcalinidade está em 80. Como posso diminuir o pH sem reduzir a alcalinidade? Isso é normal? Como o pH está alto e a alcalinidade normal? Mais uma vez obrigada pela atenção e colaboração, desculpe-me o incômodo. São Paulo, Nara Hashimoto,14/07/2.011

Desculpe o atraso na resposta, mas vamos lá. Toda vez que têm que baixar o pH e aumentar a alcalinidade ou vice-versa é uma operação mais complicada, mas vamos a resposta: Primeiro você vai aumentar a alcalinidade com bicarbonato de sódio, muitas vezes denominados de pH certo. As instruções da quantidade estão nas embalagens dos produtos e procure aumentar a alcalinidade até 120 ppm. Feito isto você vai diminuir o pH ou com ácido muriático ou com bissulfato de sódio (produto da Genco, denominado ácido seco). Qualquer dos redutores de pH você vai diluir em água e espalhar uniformemente em toda a piscina. Sempre se corrige primeiro a alcalinidade porque fica mais fácil corrigir depois o pH. Não esquecer de olhar a embalagens dos produtos para ter as quantidades certas. O pH de 8,2 é muito alto e procure ficar no máximo em 7,8 de preferência em 7,4. A alcalinidade pode variar de 80 a 120 ppm, mas podemos trabalhar fora desses parâmetros, porém não muito fora. Nilson Maierá

 

         Nilson Maierá          

Tel:  (11) 98965-6197